Israel inicia retomada do Turismo com 4,3 milhões de vacinados

Entidades estimam que México perderá um milhão de turistas canadenses
24 de fevereiro de 2021
Atividade Turística cresce pelo 9º mês seguido, mas ainda não repõe perdas da pandemia
11 de março de 2021
Mostrar Tudo

Com cerca de 4,3 milhões de pessoas tendo recebido pelo menos uma dose da vacina para covid-19, Israel está se preparando para reabrir sua economia. Com os habitantes voltando a frequentar eventos culturais, shopping centers, museus e academias, o Turismo doméstico está voltando lentamente

O plano de restrições é baseado no esquema de crachá roxo e verde. A entrada em hotéis, eventos culturais e esportivos, academias e estúdios, piscinas e centros religiosos é permitida apenas aos portadores do crachá verde.

Os elegíveis para o selo verde, emitido pelo Ministério da Saúde, estão pelo menos uma semana após a segunda vacina contra o coronavírus ou já se recuperaram da doença. O crachá, com seu código QR único, deve ser apresentado em formato digital ou impresso, juntamente com a identificação, na entrada desses estabelecimentos.

Na fase atual do plano, os hotéis e alojamentos rurais estão abertos apenas para alojamento. As salas de jantar estão fechadas, mas o serviço de quarto é permitido. A entrada em hotéis também é permitida para crianças menores de 16 anos com teste de coronavírus negativo feito 48 horas após a chegada (isso porque as crianças não foram vacinadas).

Os hotéis na área de resort do Mar Morto de Ein Bokek e Hamei Zohar são mais uma vez designados como uma área de ilha verde. Esta designação permite que os hotéis reabram totalmente, com todas as instalações, para portadores de crachá verde e crianças menores de 16 anos com um teste de coronavírus negativo feito dentro de 48 horas após a chegada.

O padrão do crachá roxo limita a participação e exige distanciamento social e uso de máscara (o que é obrigatório em Israel). Shoppings, mercados abertos, lojas de rua, museus, bibliotecas, zoológicos, atrações turísticas ao ar livre e safáris agora estão abertos de acordo com uma versão rigorosa do emblema roxo.

O local de esqui do Monte Hermon nas Colinas de Golan, que recentemente recebeu metros de neve, agora está aberto a todos os visitantes, com inscrição antecipada. Todas as reservas naturais e parques também estão abertos com inscrição antecipada e números limitados.

A próxima fase do plano começará em 7 de março, enquanto as taxas de infecção continuarem diminuindo e mais pessoas forem vacinadas. Hotéis em todo o país poderão oferecer serviços completos, e atrações internas, salas de eventos e conferências serão abertas para portadores de crachás verdes. Cafés e pequenos restaurantes (que até agora oferecem apenas serviço de take away e delivery) poderão reabrir, de acordo com o crachá roxo.

Aeroportos e travessias de terra, no entanto, permanecem fechados até pelo menos 6 de março.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

//]]>